ABF: Anjos Colchões investe em profissionais de venda para bem atender

0

A Anjos Colchões tem a meta de abrir 30 unidades neste ano. No ano passado foram inauguradas 22 lojas em diversas localidades do país

Cada vendedor da Anjos Colchões é um consultor para que possa demonstrar aos clientes da empresa qual o melhor produto para ele. “Assim”, diz Leonardo dos Anjos, diretor da Franqueadora. “buscamos nos diferenciar no mercado e evitar crises com reclamações”.

A Anjos Colchões participou pela quarta vez da ABF Franchising Expo visando fortalecer a marca, principalmente na capital paulista, onde chega fortemente ainda este ano, com planos de atingir a marca de mais 30 unidades abertas ainda em 2018, além das 22 unidades inauguradas em 2017. “Nos preparamos e investimos em produtos, profissionais e estrutura para atender essa nova demanda”, acrescenta o gestor.






Fundada no início da década de 1990, a Anjos Colchões quer expandir sua rede de franqueados e, para tanto, está trabalhando um novo projeto, de captar franqueados mesmo que estes não tenham disponibilidade de investimentos. “Queremos parceiros com tino para os negócios e investiremos neles”, destaca Leonardo dos Anjos. Assim, acredita o empresário, a marca vai se solidificando no mercado e o crescimento do número de lojas e de colchões vendidos será um processo natural.

A aposta em franquias teve início em 2007 e a Anjos Colchões conta com 60 unidades instaladas nos Estados de Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Minas, Rio Grande do Sul, Paraíba e São Paulo (interior) e três unidades no Paraguai. A marca produz os próprios colchões (e estofados) em suas unidades fabris em Capitão Leônidas Marques (PR), São Roque (SP) e João Pessoa (PB).

Fonte: Assessoria de Imprensa

Compartilhe.

Sobre o Autor

O Consumo em Pauta é um site com informações para o dia a dia do consumidor. Nossa missão é entregar aos leitores informações gerais sobre consumo, educação para o consumo e direitos e deveres de consumidores e fornecedores, além de dicas de como resolver pendências de conflitos de consumo. Nosso objetivo: relações de consumo menos conflituosas.